Secretária de Saúde deflagra Campanha contra a Tuberculose

Secretária de Saúde deflagra Campanha contra a Tuberculose

Dia 24 de Março foi o dia Mundial do Combate à Tuberculose, porém a prevenção, o diagnóstico e o tratamento são realizados diariamente nas unidades de saúde do município.  A principal maneira de prevenir a tuberculose é ao nascer tomar a vacina BCG, ofertada gratuitamente no Sistema Único de Saúde (SUS), para crianças menores de um ano e com até quatro anos, onze meses e vinte e nove dias de vida.

O diagnóstico da Tuberculose é feito através de um exame chamado baciloscopia, que é a coleta do escarro.

A tuberculose tem cura e o tratamento consiste na ingestão diária dos medicamentos sob a observação de um profissional da equipe de saúde. Dura no mínimo seis meses, é gratuito e está disponibilizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A proliferação da doença depende principalmente do tratamento completo, sem interrupção e sem abandono. O paciente que abandona o tratamento coloca em risco a sua vida e a vida de outras pessoas.

Os principais sintomas da tuberculose são, a tosse por três semanas ou mais, febre no fim do dia, sudorese noturna, emagrecimento e cansaço/fadiga.

A tuberculose é uma doença de transmissão aérea – ocorre a partir da inalação de aerossóis. Ao FALAR, ESPIRRAR e, principalmente, ao TOSSIR, as pessoas com tuberculose ativa lança no ar partículas em forma de aerossóis que contêm bacilos. Após 15 dias de tratamento a transmissão tende a diminuir gradativamente.

É importante lembrar que todas as pessoas que convivem ou conviveram com paciente tuberculoso devem ser avaliados pela equipe de saúde, a fim de prevenir o adoecimento.

Tuberculose tem cura. Procure sua unidade de saúde.