Fonte:

FNDE ressalta importância do Programa Nacional de Alimentação Escolar para a segurança alimentar de estudantes da rede pública

Visando combater a fome e a pobreza em escala global, o Plano Brasil sem Fome integrou a 2ª Reunião da Força Tarefa do G20, focada no estabelecimento de uma Aliança Global Contra a Fome e a Pobreza. O encontro ocorreu no Palácio do Itamaraty, em Brasília, na quarta-feira, 20.

A iniciativa, proposta pela presidência brasileira do grupo, tem como objetivo mobilizar recursos e conhecimentos para a implementação de políticas públicas e tecnologias sociais eficazes na luta contra a fome.

A presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Fernanda Pacobahyba, falou sobre a atuação da alimentação escolar como ferramenta para um futuro sustentável e destacou a importância do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) neste contexto. “Criado há quase sete décadas, o PNAE é uma das políticas públicas mais antigas do Brasil. É também um dos maiores programas de alimentação escolar do mundo. O governo federal considera de forma concreta que a qualidade da educação das crianças também depende da alimentação que elas recebem na escola’”, disse a presidente.

Ela ressaltou ainda a urgência em garantir que todas as crianças tenham acesso a refeições de qualidade no ambiente escolar, uma estratégia-chave para erradicar a fome e garantir a igualdade de oportunidades. “Este encontro marca um passo significativo na direção de uma colaboração internacional mais efetiva para o desenvolvimento de sociedades mais justas e sem fome”, completou Pacobahyba.

O encontro ocorrido na última semana é mais uma etapa da construção da Aliança Global contra a Fome e a Pobreza, que conta com membros do G20, países convidados e organismos internacionais que tiveram a oportunidade de conhecer, com mais detalhes, as principais ações e programas de enfrentamento à insegurança alimentar e à pobreza no Brasil. 

Reuniões de grupos de trabalho do G20 no Brasil

Este ano, o Brasil está sediando todas as reuniões dos grupos de trabalho do G20, que é um fórum de cooperação econômica internacional criado em 1999 e formado por 19 países, entre nações desenvolvidas e emergentes, e também pela União Europeia.

Treze cidades-sede foram selecionadas para receber as reuniões dos grupos de trabalho do G20: Brasília (DF), Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Fortaleza (CE), Foz do Iguaçu (PR), Maceió (AL), Manaus (AM), Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Salvador (BA), São Luís (MA) e Teresina (PI).

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
Twitter
Reunião em Guiratinga discute Avanços na Pecuária com Foco em Melhoramento Genético

Nesta segunda-feira, 15 de abril, o auditório da Secretaria de Educação de Guiratinga foi palco de uma importante reunião...

Assentamento Salete Strozack recebe melhorias locais

No último sábado (13), o prefeito de Guiratinga, juntamente com o Secretário de Agricultura e Meio Ambiente e outras...

Guiratinga foi contemplada com 61 habitações rurais

No dia 10 de abril, quarta-feira, Guiratinga recebeu a notícia da inclusão de 61 habitações rurais do Programa Minha...

Alunos da Escola Garça Branca participaram de ação sobre saúde bucal e alimentação

Nesta quinta-feira (11), a Escola Municipal Garça Branca sediou uma iniciativa do Programa Saúde na Escola (PSE), promovendo uma...